You are currently viewing Guia de planejamento de conteúdo para redes sociais

Guia de planejamento de conteúdo para redes sociais

Os segredos do planejamento de conteúdo para redes sociais:

O principal desafio de conquistar um espaço nas redes sociais não é o de ganhar seguidores, mas o de atrair os seguidores certos, e mantê-los engajados com a sua empresa. Só assim é que podemos transformar o público atingido em oportunidade de negócio e crescimento de vendas. Pensando nisso, preparamos uma lista com nove dicas para que o sucesso da sua empresa na internet não fique nos 15 minutos de fama.

Ter um planejamento de conteúdo para redes sociais é fundamental para prender o público alvo do seu negócio e colher os resultados do marketing digital.

1)      Tenha uma persona definida

Conhecer o seu público alvo com base no mercado não é suficiente para engajar os seguidores com a sua empresa. É importante saber quem são as pessoas, dentro daquele público, que vão consumir a sua rede social para acertar na linguagem e no conteúdo. Muitas empresas pecam ao alimentar páginas com elementos que elas mesmas querem consumir, mas é preciso que o criador de conteúdo se coloque no lugar da persona para fazer ela se identificar com o que ela encontra e consome nas suas redes. Toda publicação deve ser relevante e personalizada, para criar laços emocionais com o consumidor.

2)      Faça com que sua persona participe das suas redes sociais

Existem várias ferramentas que podem ser exploradas para promover essa integração. Criar enquetes, fazer quiz, se colocar a disposição dos seguidores para tirar dúvidas e assumir o compromisso de produzir conteúdos sugeridos por eles. Tudo isso promove a periodicidade com que as personas vão retornar às suas redes sociais. Além disso é preciso valorizar essa inteiração, curtindo e respondendo todos os comentários, e comentando resultados de enquetes e de quiz promovidos na sua página.

3)      Crie conteúdos personalizados para cada plataforma

Guia de planejamento de conteúdo para redes sociaisCada rede social tem seu ponto forte. Enquanto o forte de uma é o vídeo, a de outra vai ser fotos, e outra, texto e interação com o público. Por isso, mesmo que no planejamento da semana você vá falar sobre o mesmo assunto nas suas redes sociais, é fundamental personalizar a produção do conteúdo explorando o forte de cada plataforma a ser utilizada. Muitas vezes, os clientes em potencial que consomem o que você posta na sua página no Facebook não são os mesmos que assinam o seu canal no Youtube. Uns vão esperar fotos e textos, e já não terão muita paciência para vídeos, que é o que vão buscar os assinantes da outra plataforma. Neste ponto, é muito importante entregar o conteúdo para a persona usando as plataformas que ela prefere, está familiarizada e espera encontrar nas suas redes sociais.

4)      Diversifique seu conteúdo

Quanto mais diversificada for a maneira como você expõe o conteúdo nas suas redes sociais, mais chances você terá de manter o interesse do seu público alvo nas suas plataformas. Por isso, é importante investir na produção de imagens, de vídeos e até de jogos. Algumas páginas de esportes, por exemplo, promovem teste de habilidades, onde um seguidor compete com outro no domínio do conteúdo, e oferecem prêmios para os vencedores. Também vale a publicação de vídeos compartilhando experiências de pessoas no contexto do conteúdo abordado, o que vai despertar o interesse de seus seguidores.

5)      Tenha um posicionamento

O sucesso das redes sociais muitas vezes se dá na possibilidade que o público encontra de exprimir planejamento de conteúdo para redes sociaisopiniões, analisar situações e se posicionar sobre elas. E é por isso que a sua empresa deve se comportar da mesma forma, para não se tornar um objeto estranho nas redes sociais. É importante que a marca desenvolva uma personalidade, e deixe clara a sua importância, sua missão e a sua contribuição para a sociedade. Essa personalidade deve ser como a de uma pessoa, para humanizar a empresa, e a linguagem é essencial para expressar essa personalidade e garantir o sucesso do conteúdo. Pensando nisso, fizemos um vídeo onde você poder conferir todas as dicas sobre posicionamento de marca, clique aqui para assistir.

6)      Dê prioridade a plataformas específicas

É melhor um conteúdo muito bem feito em uma única plataforma do que vários conteúdos genéricos atirados para todos os lados. Por isso é importante saber quem é a sua persona e onde ela está. Twitter, Facebook, Linkedin, Google +, Pinterest, Instagram, Youtube, Vimeo, etc. Conheça bem a plataforma onde está o seu público e a transforme na sua prioridade de investimento em produção de conteúdo.

7)      Tenha objetivos e metas

Um GPS só vai te dar o caminho se você inserir o endereço de onde você quer chegar. E para cada lugar, o GPS vai te indicar um caminho diferente. Por isso, é muito importante ter um objetivo. Sem objetivo, suas estratégias não vão chegar a lugar algum.

planejamento de conteúdo para redes sociaisPara melhor definir seus objetivos, pergunte-se: do que você mais precisa? Aumentar o público, vender mais, melhorar a interação com o público, adquirir credibilidade no mercado, ganhar cadastros no seu site ou canal, ganhar público para algum evento? Cada meta é um endereço a ser inserido no GPS, e para cada uma o aparelho vai te dar um caminho diferente. Por isso, é fundamental que a produção de conteúdo siga as coordenadas e estratégias certas para chegar onde você quer, e esse ponto de chegada deve estar bem definido e claro, tal como quanto você vai avançar por dia, que são as metas para alcançar o grande objetivo.

8)      Tenha um calendário para produzir conteúdo sazonais, mas também atente-se ao que está acontecendo fora do previsto

Na hora de planejar o conteúdo do ano, semestre, trimestre ou mês, as datas comemorativas e grandes eventos devem ser levados em conta. Todos estarão falando sobre esses temas, seja no almoço em casa, no Facebook, no Twitter ou em qualquer rede possível. Sua empresa não pode sumir nesse período, pelo contrário. Tenha um planejamento que una esses acontecimentos e o seu negócio.

Se a sua empresa vende roupa feminina, por exemplo, o dia da mulher e o dia das mães são ótimas Guia de planejamento de conteúdo para redes sociaisdatas para serem exploradas. Outro bom exemplo quando se trata de eventos, foi a copa do mundo de 2018, onde várias empresas brincaram com os “memes” produzidos – especialmente sobre o Neymar – expressando o sentimento de pessoas que não contam com serviços como o que elas oferecem. Uma escola de idiomas, por exemplo, usou o meme com várias imagens do Neymar caído ao chão para expressar a vontade que sente uma pessoa que não fala inglês em um país estrangeiro. O importante é que o criador de conteúdo seja natural e se divirta com a situação, com a data sazonal, assim a informação não parece oportunista. Veja aqui como explorar melhor o marketing sazonal.

9)      Analise o resultado das postagens e reformule suas ações

Sabemos da importância de oferecer conteúdos personalizados nas suas redes sociais. Mas fica ainda melhor quando quem dita as regras de como deve ser esse conteúdo é o seu próprio público-alvo. Por isso, é muito importante testar vários formatos para expor o conteúdo, e acompanhar as reações do público para cada uma delas. Assim, você vai identificando do que eles gostam mais, quais os horários que mais acessam, quais ferramentas utilizam para acessar suas redes sociais, e essas informações abrem um leque de ideias de como engajá-los cada vez mais com o conteúdo que eles estão consumindo nas suas redes sociais. Conforme você for identificando as preferências do seu público, vai investindo mais no modelo para otimizar a produção de conteúdo.

 

Conteúdos de apoio: Como escolher a linguagem certa nas redes sociais
Como utilizar o stories para vender no Instagram

Este post tem 3 comentários

Deixe um comentário