11 Erros Fatais que devem ser evitados no Marketing Médico digital

11 Erros Fatais que devem ser evitados no Marketing Médico digital

É cada vez mais frequente a presença dos assuntos médicos na mídia – Marketing Médico Digital. Tais assuntos despertam muito interesse da sociedade de uma modo geral, por tratar de questões sensíveis à existência humana, permeando temas como saúde e morte passando também por bem estar e qualidade de vida.

É sabido por todos também que vivemos em uma sociedade extremamente consumista, onde alguns valores se diluem, cabendo à medicina estabelecer um papel de guardiã destes valores, evitando sensacionalismo, auto promoções e mercantilização do ato médico.

O Marketing Médico Digital traz consigo esta responsabilidade. Todos esperam do médico uma comunicação dirigida à publicação e divulgação de informações úteis ao público e não uma comunicação agressiva que tem como objetivo apenas a conquista e ampliação de mercados.

Então, o que não se pode fazer ao divulgar sua Clínica e otimizar sua estratégia de Marketing Médico Digital?

Elencamos aqui 11 erros fatais que não devem ser cometidos jamais para que deseja dar publicidade aos seus serviços na área médica.

Marketing Médico – 11 erros fatais
1 -Anunciar, quando não especialista, que trata de sistemas orgânicos, órgãos ou doenças específicas, por induzir a confusão com divulgação de especialidade;
2- Anunciar aparelhagem de forma a lhe atribuir capacidade privilegiada;
3- Participar de anúncios de empresas ou produtos ligados à Medicina, dispositivo este que alcança,
inclusive, as entidades sindicais ou associativas médicas;
4- Permitir que seu nome seja incluído em propaganda enganosa de qualquer natureza;
5- Permitir que seu nome circule em qualquer mídia, inclusive na internet, em matérias desprovidas de rigor científico;
6) Fazer propaganda de método ou técnica não aceito pela comunidade científica;
7) Expor a figura de seu paciente como forma de divulgar técnica, método ou resultado de tratamento, ainda que com autorização expressa do mesmo;
8) Anunciar a utilização de técnicas exclusivas;
9) Oferecer seus serviços por meio de consórcio e similares;
10) Oferecer consultoria a pacientes e familiares como substituição da consulta médica presencial;
11) Garantir, prometer ou insinuar bons resultados do tratamento;

Quer conhecer mais sobre Marketing Médico Digital?

Agende uma reunião e solicite a sua consultoria.

Gutemberg Fernandes

CEO Founder da Conexão Marketing, 12 Anos de experiência em Estratégias Digitais, co-autor do método Growth CNX, apaixonado por métricas e geração de resultados. Líder do time de prospecção inbound.

Deixe uma resposta